Macarrão&Maçã

Ingredientes:
Macarrão
Maçã
Couve flor
Azeitonas
Ovo cozido
Alface
Maionese

Preparação:
Cozer o macarrão al dente, a couve flor e os ovos. Cortar a maçã aos cubos, tirar os caroços ás azeitonas, cortar a alface em juliana e o ovo ás rodelas. Juntar a maçã, as azeitonas, adicionar ao macarrão depois de escorrido e esfriado um pouco e misturar com a maionese. Está pronto!

Beringela recheada de bacalhau



Ingredientes:
Beringela ( neste caso 1, dado que é suficiente para 2 pessoas)
Bacalhau desfiado
Cebola
Alho
Alho francês
Tomate pelado ralado (ou polpa de tomate)
Salsa
Pimento assado

Preparação:
Cortar as beringelas a meio no sentido do comprimento e retirar a polpa. Reservar a casca. Cortar a cebola, alho e alho francês em rodelas e refogar em lume brando com azeite, adicionar a polpa da beringela, o bacalhau desfiado (previamente demolhado) o tomate pelado (cerca de 5 colheres de sopa), a salsa e deixar apurar. Temperar a gosto. Dispôr as cascas da beringela numa travessa de ir ao forno, colocar o recheio de bacalhau e dispôr os pimentos em tira por cima (se preferir podem ser incorporados no bacalhau). Levar ao forno cerca de 15 a 20 min. Neste dia acompanhei com salada de pepino.

Tarte de legumes e atum




Para esta tarte, uso geralmente os legumes que tenho em casa. Fiz com atum, mas também costumo fazer só com legumes.

Ingredientes:
Uma base de massa quebrada (encontra-se em todos os supermercados)
Cebola
Alho francês
Pimento
Tomate
Milho
Cogumelos
Cenoura raspada
1 lata de atum escorrido
2 ovos
Salsa

Preparação:
Colocar a base numa tarteira e picar com um garfo. Na panela, colocar a cebola e o alho francês cortada ás rodelas, o pimento em tiras e o tomate aos pedaços. Juntar azeite e deixar refogar. Adicionar a cenoura em raspas e deixar cozer. Adicionar o milho, o atum e os cogumelos. Temperar a gosto e deixar apurar (deitei uma pitada de sal e uma colher de sopa de vinagre). Numa tijela bater os 2 ovos com a salsa reservar. Na tarteira despejar os legumes e cobrir com os ovos batidos com a salsa. Levar ao forno a gratinar.

Hamburguer de soja



Aprendi esta receita com a Nélia, e desde então é um "habitué" cá em casa:

Ingredientes:
200 grs de grão de bico cozido
100 grs de soja fina
1 ovo
Cebola picada
salsa picada

Modo de preparação:

Rala-se o grão de bico com a varinha mágica até obter um creme homogéneo. Junta-se a soja, previamente demolhada em água fria durante alguns minutos e depois de bem escorrida, misturar bem com o grão de bico, juntar o ovo inteiro e continuar a mexer, misturar a cebola e a salsa e temperar a gosto com sal e pimenta. Depois de bem mexido, com as mãos dar a forma de pequenos hamburgueres. Fritar em óleo bem quente. Neste dia, acompanhei com salada de tomate e cebola com molho de vinagrete e óregãos.

Dourada com batatas a murro e salada verde

Ingredientes:

Para 4 pessoas:

Uma dourada grande ou 2 médias
1 quilo de Batatas pequenas
Repolho
Agrião

Preparação:

Dourada:
Temperar com limão, sal e pimenta a gosto, deixar marinar de um dia para o outro.
Sobre uma folha de alumínio colocar a dourada inteiro e regar com um fio de azeite. embrulhar na folha de alumínio e levar a assar em forno médio. Estará pronta em cerca de 35 min.

Batatas a murro:
Lavar bem as batatas e colocá-las num tabuleiro, colocar bastante sal por cima e levar ao forno. Ir mexendo as batatas para não pegarem ao tabuleiro. Para ver se estão prontas, espetar um palito. Depois de assadas, limpá-las com um pano seco do sal, dar um murro em cada batata e regar com azeite aquecido com alho.

Salada verde:
Salada a gosto. Neste caso, repolho (ou couve branca) cortado finamente e folhas de agrião temperado com molho de vinagrete (vinagre, azeite e sal).

O prefácio da Cris (obrigada ;))

Já lá vão uns anitos – estávamos no final de 1997 – quando tive de iniciar o meu percurso académico pelo mundo dos tachos e panelas…

A passagem pela faculdade é uma escola de vida e valeu-me a aprendizagem de alguns pratos rápidos e económicos…Quando havia muita malta para almoçar ou jantar, nada como uma boa ‘panelada’ de bolonhesa!!! Ups, mas eu nem a bolonhesa sabia fazer!

Valeram os ensinamentos da melhor chefe de cozinha das Catacumbas! Bem, entre as opções, não era muito difícil!!!

Obrigada Lena, por nos teres mostrado um bocadinho da tua arte de bem cozinhar, que nós bem fomos treinando a arte de bem degustar!!!!

Como os teus ‘pratos’ deixaram saudades, esperamos ler-te muitas sugestões para abrir o apetite!!!

Por aqui, vamos tentar ser boas e bons alunos!!! Se não resultar, sempre sabemos o caminho para Guimarães!!!